Mas não me segure, entendeu? Quando sentir que vai me segurar, me deixa ir, não estrague algo que pode ser lindo. Vou voltar, juro que volto se você me soltar e olha que nem vou tão longe, vou só até a esquina dar uma volta, respirar um ar longe de você, caminho umas quadras, procuro um cara bonito só pelo prazer de poder olhar e volto, com saudades.
Não tente segurar algo que não sabe mais viver cercado, porque eu valorizo minha liberdade mais do que valorizo qualquer outro sentimento bonito e se eu sentir que ela foi ameaçada começo a fugir. Então me solta, é a maneira mais fácil de me ter.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s